Llámanos al 956 261 604
o
¿Prefieres que te llamemos gratis?
Indique-nos os seus dados pessoais e assim que possível um profissional irá entrar em contacto consigo.
Enviar

Como escolher o seguro de moto certo para ti?

[Atualizado 30/11/2022]

Escolher o melhor seguro de moto nunca é um tema fácil para os condutores de duas rodas e pode implicar algumas dores de cabeça. Por isso mesmo, decidimos reunir toda a informação sobre o seguro de moto, para que possas fazer uma escolha consciente e informada relativamente ao que mais te convém.

Continua a ler e descobre as respostas às dúvidas mais comuns sobre o tema!

O seguro de moto é obrigatório?

Para começar, é sim! Se tens uma moto, fazer um seguro é obrigatório. Isso significa que sempre que vais na moto, tão importante como o capacete, é ter contigo a carta e a informação sobre a apólice do seguro.

Quais são os mínimos do seguro moto?

Quanto mais abrangente for um seguro, melhor para ti. Isso assegura-te sempre uma maior cobertura face aos riscos que possas eventualmente enfrentar, contribuindo para uma viagem de moto segura.

Ainda assim, e legalmente, um seguro de moto deve, no mínimo, cobrir:

  1. Danos materiais no valor de 600 mil euros;
  2. Danos corporais no valor de 1,2 milhões de euros.

Que outras coberturas existem?

Como referimos anteriormente, por lei, é apenas obrigatório um seguro face aos danos materiais e corporais. Todavia, existem outros extras que podes adicionar. Eis alguns exemplos:

  • Choque e/ou colisão;
  • Capotamento;
  • Incêndios ou raios, entre outros fenómenos naturais;
  • Explosão;
  • Furto ou roubo;
  • Vandalismo;
  • Seguros para quando terceiros são responsáveis por algum dano. Neste caso, podes obter um seguro contra possíveis danos na chapa ou na pintura da moto, por exemplo.

Tem em conta que ao adicionar estes extras, o valor a pagar pelo seguro ficará mais alto.

Que aspetos são tidos em conta quando se faz um seguro?

Tal como pode acontecer com os carros, consoante a idade do indivíduo, os anos de carta ou o modelo do veículo, o preço do seguro para a moto pode variar. Por norma, os prémios dos seguros para menores de 25 anos e com carta de moto há menos de dois, tendem a ser mais elevados.

No caso das motos, as companhias de seguro consideram ainda aspetos como a cilindrada do motociclo, não é à toa que motos de baixa cilindrada conseguem seguros mais facilmente do que as suas amigas mais potentes!

Igualmente importante é a tua zona de residência. Assim sendo, os seguros para os residentes das grandes cidades costumam ser mais caros do que para os dos meios rurais e/ou mais pacatos. Isto acontece porque, para as seguradoras, o risco de acidente é menor, tendo em conta as estatísticas de sinistralidade.

Quanto custa um seguro de moto?

Como já viste, existem diversos elementos que podem influenciar o valor final. Portanto, não é fácil dizer-te exatamente o preço do seguro de moto.

Para que tenhas uma ideia, atualmente, é possível encontrar seguros por cerca de 6 euros por mês (por exemplo, se tiveres uma 50 cc). No caso de teres uma moto com mais de 600cc e esta tiver menos de cinco anos de carta, os valores já rondam os 10 euros.

Caso queiras juntar à base do seguro outras coberturas, os valores sobem. Por isso, o melhor é contactares diretamente uma seguradora para obter um valor exato.

Qual a melhor agência de seguros para motos em Portugal?

Consideramos que a melhor agência de seguros aquela que, em função das tuas caraterísticas e necessidades, te fizer a melhor oferta.

Para obteres uma resposta a esta questão, sugerimos que procures informação junto dos teus familiares e amigos, mas também online para tentar saber mais sobre o seguradora em questão.

Na hora de contratares o teu seguro de moto, é essencial que escolhas uma seguradora de confiança. Obviamente que o preço do seguro e a cobertura são importantes, mas o mesmo dizemos do atendimento. Por isso mesmo, faz sempre uma pequena e tenta saber mais sobre opinião dos outros clientes, assim como as suas experiências, antes de tomar a uma decisão final.

Como poupar no seguro da moto?

Se puderes, paga tudo de uma só vez. Os pagamentos semestrais, trimestrais ou mensais dos prémios, quase sempre implicam um custo extra proporcional ao número de prestações.

Também muito útil, é contactar diferentes seguradoras e ouvir as suas propostas. Deste modo, poderás comparar os preços e os serviços, assim como as condições de cada uma. E recorda-te: os acidentes não acontecem só aos outros. Logo, não faças a tua escolha apenas baseada no prémio a pagar!

É obrigatório, por lei, ter um cadastro limpo para conseguir o seguro de moto?

Legalmente, não é. Porém, muitas seguradoras impõem essa condição e só oferecem seguros a clientes sem acidentes declarados. Infelizmente, e como se tratam de empresas privadas, não existe qualquer lei que lhes impeça de colocar estas condicionantes.

Porque é que é tão difícil fazer um seguro de moto?

A maior dificuldade reside nas próprias seguradoras. Estas encaram as motos como sendo veículos mais perigosos. E, em boa verdade, os acidentes com motociclistas tendem a ter consequências mais gravosas. Por isso mesmo e, por norma, a maioria oferece só uma cobertura de responsabilidade civil, incluindo apenas os valores mínimos legais para danos materiais e corporais.

O que fazer quando não se consegue contratar um seguro de moto?

Para começar, não desanimar! E, depois, agir!
Caso obtenhas uma recusa de, pelo menos, três seguradoras diferentes, deverás apresentar uma queixa contra as mesmas na Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões (ASF) – o antigo Instituto de Seguros de Portugal – ISP. Compete à entidade conseguir-te um seguro para a moto.

Como conseguir seguro para a moto com facilidade?

A forma mais fácil é tentares contratar o seguro de moto numa agência da qual já sejas cliente. Não importa se por causa do seguro do carro, da casa ou de outro. A verdade é que, ao já seres cliente, tens uma maior probabilidade de ela querer continuar contigo e de estar disposta a assegurar a tua moto.

;

Outras Notícias

Tudo o que precisas de saber sobre a inspeção de motos

O que precisas de saber antes de tirar a carta de moto

Como escolher o capacete de moto certo para ti?